terça-feira, 9 de março de 2010

acordar para a
realidade
não é meu forte
meu único
suporte
é a poesia
que não me deixa
a vida
vazia
pensar nos problemas
é freqüente
mas resolvê-los
seria luta
inclemente
fico então aqui
nessa letargia
agonia
tentando entender
por que tenho de
sofrer


by cláudio bettega, em 13.10.2006

Um comentário:

Devaneios e outros venenos disse...

gosto tanto desse...
resignado, leve e bonito.